Login com o Facebook

Home > Volei > Rumo ao Japão sem elenco definido

Rumo ao Japão sem elenco definido

Fonte: Papo de Volei em 18/09/2018
  • Seguir
  • Facebook
  • Twitter
  • E-mail
  • Compartilhar pelo WhatsApp

Estava me preparando para escrever sobre a definição dos elencos de Itália e Sérvia para o Mundial quando recebi a notícia de que o Brasil embarca para o Japão já nesta quarta-feira (19), dez dias antes do início da competição. Até aí nada demais. O que surpreende é que a seleção vai até ao outro lado do mundo com 15 jogadoras. Ou seja, haverá um corte por lá – e uma viagem de volta longa e solitária para uma das atletas.

Na segunda-feira, foram confirmadas as dispensas de Monique e Fernanda Tomé. A oposta realmente só retornou à seleção porque a Tandara se lesionou e não pôde jogar o Montreux; a ponteira, por sua vez, já estava cortada desde a sua convocação, todo mundo sabia que ela não estava na briga por posição.

Depois da Liga das Nações e do retorno da Fernanda Garay, imaginava-se que 12 posições já estavam asseguradas: Dani Lins e Roberta; Adê, Thaisa, Carol e Bia; Suelen e Gabiru; Fê Garay, Natália e Gabi; e Tandara. Brigariam pelas duas vagas restantes Drussyla, Rosamaria e Amanda.

Passado o Montreux, o cenário mudou um pouco. Rosamaria foi testada como oposta reserva e parece ter garantido ali sua participação no Mundial. Sobrou, assim, uma vaga a ser disputada por Amanda e Drussyla.

O correto seria a Natália também ser posta em dúvida. Ela não vai chegar nas condições ideais de disputar o Mundial, pelo menos não para ser a jogadora importante de ataque que o Brasil necessita. O Zé Roberto deveria avaliar se vale a pena tê-la no grupo somente para passagens de saque e recepção. Mas sabemos que não é isso o que vai acontecer. O Zé claramente vê a Natália como líder desta nova etapa da seleção. Ela foi capitã na temporada passada, posição que retomou quando retornou ao time no Montreux. Se ela não justifica a sua presença pelas condições técnicas, justifica-se pela experiência. 
********************************************

Acaba por ser inevitável que recordemos do episódio de Londres 2012 quando o Brasil viajou para a Olimpíada com um corte a fazer. A mesma Natália vinha de problemas físicos, não se sabia se teria condições de jogar. A dúvida ficou entre ela e Camila Brait, que vivia uma ótima fase - e, para muitos até, tinha condições de brigar com a Fabi pela titularidade.

O viajar até Londres com o elenco indefinido foi o último episódio de uma sucessão de erros do Zé Roberto ao conduzir os cortes para os Jogos. E, é claro, a maneira pouco transparente e delicada do treinador teve seus efeitos no relacionamento dele com as jogadoras na época.

Depois ficou muito mais evidente de que a Natália não tinha condições de disputar a Olimpíada, era uma peça praticamente inútil. Na época, havia o argumento de que, pela idade, a experiência de disputar uma olimpíada seria importante para um talento que tanto prometia como a Natália. Se ela não colaborasse em Londres, ganharia bagagem para o próximo ciclo em que seria uma das peças centrais.

Só que ao fazer com que a Brait tivesse um gostinho do que seria o sonho olímpico para, logo depois, cortá-la, o Zé Roberto perdeu a confiança da melhor líbero que o país teve depois da Fabi. E hoje sentimos o efeito desta escolha.

Tenho receio de que o Zé cometa o mesmo erro caso corte a Drussyla. É uma jogadora que precisa amadurecer muito para ser confiável, mas é um dos poucos talentos que trazem alguma esperança pro vôlei brasileiro e cuja experiência neste Mundial seria importante para os próximos anos da seleção.

Além disso, a indefinição até o momento final da preparação não me parece a melhor maneira de se trabalhar. Por mais que as condições estejam estabelecidas (as jogadoras sabem que haverá um corte no Japão), é inevitável que o ambiente fique tenso, que a dúvida fique sobre a cabeça não só daquelas jogadoras que, a princípio, são as “postulantes” ao corte. Fora que, a meu ver, expõe as fragilidades do treinador ((indecisão e falta de assertividade) diante do grupo.

SEGUIR VOLEI

Acompanhe as outras novidades e conheça a galera que faz parte deste assunto.

COMENTÁRIOS



Carregando Comentários...